Primeiras impressões do ReactOS 0.3.10

Após o lançamento nesta tarde de domingo da versão 0.3.10 do ReactOS, corremos para fazer as primeiras impressões do sistema. A impressão geral é de que esta versão é um polimento da versão anterior, a 0.3.9, esta sim uma versão que apresentou de uma vez diversas novas funcionalidades como pode ser visto no artigo de lançamento (leia mais aqui).

Como anunciado pelos próprios desenvolvedores na nota de lançamento (em inglês) desta nova versão, as maiores inovações estão na parte de reconhecimento de hardware, sendo que do lado do software foram pequenas as alterações como listaremos abaixo – os testes de hardware ficarão para um segundo momento.

Paint e CIA

Um dos novos recursos apresentados nesta nova versão do ReactOS é a disponibilização de um clone do Paint, programa que acompanha o Windows desde as versões 3.1 (do inicio dos anos 90) e apesar de muito simplório se comparado as opções mais profissionais como Photoshop, Corel Draw e Inkscape, por exemplo, ainda muito utilizado pelos usuários.

Apesar de estar 100% funcional, o Paint do ReactOS apresenta alguns bugs como não permitir desfazer alguns tracos (opção ‘CRTL Z’ não esta funcionando). Em tudo lembra o Paint do Windows ou o GNU Paint do Linux – outro clone do Paint para o mundo Linux. Continue lendo

Anúncios

Teste de Instalação do Second Life no ReactOS 0.3.9

Apesar de na semana passada ter sido anunciado o fim da versão brasileira do Second Life – a empresa que prestava suporte ao mundo virtual desistiu da empreitada, o mundo virtual continua na ativa e funcionando normalmente, bastando baixar o programa e instalar no computador para ter acesso ao ambiente. Como há muito tempo abandonei meu Avatar no Second Life a própria sorte – quem sabe um dia arrume alguma coisa útil para fazer com ele, aproveitei a noticia para checar as atualizações na plataforma; para isso tentei instalar o Second Life (a ultima versão disponível no site era a 1.23.4.123908) no ReactOS 0.3.9 emulado em máquina virtual VirtualBox.

Instalação

A instalação do Second Life ocorreu sem problemas, tendo sido todos os arquivos copiados para a árvore do sistema. Ao tentar iniciar o programa, é exibido mensagem de que o mesmo precisa do DirectX 9.0B ou superior, mas que pode funcionar sem, perguntando se desejaríamos continuar (a iniciar o programa). Apos a confirmação uma segunda mensagem foi exibida informando que o Second Life só funciona com resolução de 32Bits.

O executável de instalação do Second Life inicializa sem problemas no ReactOS.

Continue lendo

Análise do jogo Unreal Tournament no ReactOS 0.3.9

Apresento a vocês uma análise de um jogo antigo, anterior ao Counter-Strike, que era febre na era dos Pentium’s e K6’s da vida, o Unreal Tournament, o primeiro da série.

Este jogo é um dos primeiros que passaram a funcionar com o ReactOS. Realizei toda a análise dele na última versão do ReactOS, a 0.3.9 no VMWare, segue abaixo:

Executando o Setup do jogo.

Continue lendo

Primeiras impressões do ReactOS 0.3.9 – Media Player, ReactX e muito mais!

Primeiramente tenho que deixar claro que tive dois momentos ao testar a nova versão do ReactOS, o primeiro foi antes do feriado ao baixar a versão Live CD e constatar que não haviam mudanças em relação a versão Trunk Build 40257 testada pelo blog à algumas semanas atrás (leia aqui), e a segunda ao retornar do feriadão e baixar a versão de instalação do ReactOS 0.3.9 e constatar pela primeira vez que a versão Live CD não correspondia em recursos à versão de instalação; fui da frustração à euforia porque a nova versão 0.3.9 trás diversos novos recursos há muito esperados pelos usuários do ReactOS, mesmo que não estejam ainda acabados. A implementação de um recurso similar ao DirectX, chamado de ReactX, já está presente e apesar de não estar completo parece ser responsável por já ser possível rodar vídeo no ReactOS – ao menos a proteção de tela ao estilo Matrix que é disponibilizado está funcionando corretamente, exibindo a animação correspondente.

O ReactX já está disponível por padrão nesta nova versão do ReactOS.

No ReactX tudo é feito para ser muito semelhante ao que temos no DirectX, mas chega a ser estranho perceber que o mesmo já esta na versão 9.0C, como mostra a imagem...

Continue lendo

Nova rodada de testes com mensageiros instantaneos no ReactOS

O ultimo teste de compatibilidade de programas tipo mensageiros instantâneos realizados com o ReactOS foi com a versão 0.3.4 (leia mais aqui) sendo que depois deste teste já foram lancadas mais quatro versões do sistema – atualmente na versão 0.3.8 e próximo do lançamento da 0.3.9 agora no inicio de Abril. Este tempo foi suficiente para verificarmos novamente agora como anda a compatibilidade deste tipo de programa com o ReactOS. Como o sistema ainda não reconhece placas de rede, o teste foi feito com a mesma maquina virtual do artigo sobre instalação do ReactOS no VirtualBox. A maquina virtual estava com a rede configurada como NAT (saiba sobre configuracao NAT na Wikipedia), utilizando a configuração da Internet do notebook que utilizo nos testes do blog.

Neste teste foram usados os mensageiros instantâneos mais populares, o Windows Live Messenger na versão 2009, Skype 4.0, ICQ 6.0 em português e GTalk 1.0.0.104, alem de um mensageiro alternativo sugerido por um leitor no ultimo teste, o ‘Emesene’.

Windows Live Messenger 2009

Como já esperado, o Live Messenger 2009 não instalou no ReactOS. A diferença para o ultimo teste é que ao menos desta vez foi exibido uma mensagem de erro, ao contrario do ultimo teste onde nem sequer o instalador pode ser iniciado, não reportando nenhuma mensagem.

Desta vez o Windows Live Messenger emitiu mensagem de erro ao tentar instalar o mesmo no ReactOS.

Continue lendo

Instalando o ReactOS 0.3.8 no VirtualBox 2.1.4 no Windows XP e no Ubuntu 8.04 LTS – Passo a Passo

Para aqueles que trabalham com TI, meu caso, sabem que uma das tecnologias do momento em grandes empresas é a virtualização de servidores, onde é comum criar várias máquinas virtuais – servidores de banco de dados, e-mail, hospedagem de sites, entre outros – utilizando apenas um servidor/computador físico. Atualmente são várias as empresas que oferecem programas de virtualização sendo os mais conhecidos e utilizados em grandes companhias os sistemas da EMC (VMWare), Sun (VirtualBox) e Microsoft (VirtualPC); há ainda os sistemas Xen, QEMU e Bochs. Há quase 4 anos utilizo profissionalmente o VMWare e em meu notebook instalei a versão Player que é gratuita para poder realizar os testes com a imagem disponibilizada pelo projeto ReactOS. Diante da evolução do mercado e da disponibilização pela Sun do VirtualBox completo como software livre cujo desenvolvimento passou a ser mantido por uma comunidade, já há 6 meses venho testando o programa cogitando a possibilidade de uma migração do VMWare Player para o VirtualBox, visto que o primeiro possui limitações não permitindo editar a máquina virtual, apenas rodá-la como foi montada pelo seu criador. A principal vantagem do VirtualBox é estar disponível em seu pacote completo e neste tempo que venho testando o programa posso atestar alguma superioridade em relação ao VMWare, seja o melhor desempenho em maquinas mais parrudas – em maquinas mais lentas o VMWare ganha, opções de configurações avançadas como emular vídeo 3D até 128MB, entre outras. Neste artigo montaremos uma máquina VirtualBox com o ReactOS para que o leitor possa seguir os passos e fazer o mesmo em seu computador. Continue lendo

Chrome 2.0 Beta x IE8 Final x Firefox 3.1 Beta 3 no ReactOS 0.3.8

No final da semana passada foi lançado o novo Internet Explorer 8, navegador para Internet da Microsoft que domina o mercado a muitos anos. Como agora é possível baixar e instalar a versão do navegador sem precisar fazer a verificação de autenticidade do Windows, que foi exigido para a versão 7, baixei uma copia do programa para testar a compatibilidade do mesmo com o ReactOS. Aproveitei e realizei um comparativo com as futuras versões de dois concorrentes, o Firefox 3.1 que deve sair do Beta até o meio do ano e possui mais de 20% do mercado de navegadores e o Google Chrome 2.0, navegador com pouco tempo de vida e que tenta conquistar seu espaço.

Internet Explorer 8 Final

O motivo pelo qual resolvi fazer um comparativo e não somente um teste com o IE8 foi por já esperar que o navegador da Microsoft não instalasse no ReactOS, ao que o artigo seria muito pobre. O motivo dessa certeza vem do fato de que ha 2 anos estou testando diversos programas com o sistema e os únicos que nunca tiveram sucesso na instalação foram os da Microsoft, ao que com o IE8 não foi diferente. O instalador do programa até tenta inciar a instalação, mas a mesma é abortada com mensagem de erro de alocação de memoria como pode ser visto nas imagens abaixo:

O instalador do Internet Explorer 8 tenda copiar os arquivos para a memoria para iniciar a instalação,

Continue lendo