Teste com a versão Trunk Build 44341 – Recursos do sistema avançando, testes do ReactX funcionais e até uma lojinha de aplicativos!


Diante do atraso do lançamento da versão 0.3.11 do ReactOS, segundo o roadmap no site do projeto a última da série 0.3, baixamos a versão Trunk Build 44341 (versão de desenvolvimento) liberada hoje, a fim de verificarmos quais evoluções o sistema sofreu e o que podemos aguardar para as próximas versões. Para este teste, instalamos o ReactOS em máquina virtual VirtualBox.

O Sistema

Ao iniciar a instalação e por se tratar da versão de desenvolvimento, pode-se acessar opções avançadas no bootloader do sistema, o FreeLoader que encontra-se na versão 3.0:

Na versão normal do ReactOS, não há tantas opções de ‘debug’ quanto nesta Trunk Build:

Um bug que não existia apareceu nesta versão. Ao tentar selecionar a opção de configuração regional durante a instalação do sistema, o mesmo trava e é necessário reiniciar o sistema para concluir a instalação:

Concluída a instalação e iniciado o sistema, no menu principal podemos ver que na verdade se trata da versão 0.4 SVN, como é identificado na etiqueta do menu:

Em ‘System Configuration’ (configurações do sistema), vemos que os sistemas inicializados com o ReactOS já aparecem marcados e com recursos de rede habilitados (DHCP Client), bem como sendo possível em gerenciamento de serviços (Service Manager), iniciar, pausar, desabilitar ou setar o serviço para funcionar automaticamente ou manualmente como faríamos no Windows:

Em System Configuration...

já é possível ver os recursos habilitados e que carregam junto com a inicialização do sistema.

Em gerenciamnto de serviços,

onde é listado os serviços do sistema,

já é possível parar setar a configuração para manual ou desabilitada; os botões para parar e reiniciar ainda não estão habilitados.

O desenvolvimento do ReactX, recurso que permitirá ao ReactOS rodar jogos que usam do DirectX, parece estar evoluindo apesar de alguns bugs. Já é possível executar o teste de DirectDraw, como pode ser visto na imagem abaixo onde o sistema desenha um cubo branco pulando pela tela, mas não foi possível executar o teste de aceleração 3D, que não deve ter funcionado por estarmos testando o sistema emulado em máquina virtual; algum leitor que possua uma boa placa de vídeo arrisca instalar o ReactOS em seu computador para nos dizer se o teste é concluído?

Percebemos uma evolução no Diagnostico do ReactX,

já é possível executar alguns testes,

sendo que o sistema já consegue desenhar imagens na tela.

Mas o computador testado,

não passou no teste de renderização 3D.

Alguns recursos do diagnostico ainda não estão disponíveis, como os testes de áudio. Compreensível visto que o áudio ainda não está 100% funcional no ReactOS.

No teste do lançamento do ReactOS 0.3.9 (leia mais aqui) aventamos a possibilidade de que no futuro poderíamos instalar programas no ReactOS do modo fácil como fazemos no Ubuntu e que seria interessante uma ‘lojinha’ no estilo App Store da Apple. E não é que os desenvolvedores pensaram da mesma forma! Nesta versão já temos um aplicativo muito similar a nova ‘lojinha’ lançada no Ubuntu 9.10, até os ícones foram ‘copiados’ do ambiente GNOME:

Para instalar programas no ReactOS,

use o gerenciador de aplicativos!

O conceito do gerenciador de programas do ReactOS é similar ao da nova loja de aplicativos lançado na nova versão do Ubuntu, a 9.10.

Conclusão

Esta versão de desenvolvimento mostra que o ReactOS está evoluindo nos pontos onde é consenso o mesmo precisa avançar. Neste artigo foram demonstrados somente os recursos que sofreram maior evolução, mas por todo o sistema há pequenas alterações em diversos recursos. Não acreditamos que a próxima versão traga nada muito diferente do que tivemos até aqui, mas para as versões da série 0.4 e 0.5 (essa série já planejada para ser Beta) as expectativas são maiores. Basta termos paciência, torcer, ajudar como pudermos e aguardar pelo desenvolvimento do sistema.

Anúncios

7 thoughts on “Teste com a versão Trunk Build 44341 – Recursos do sistema avançando, testes do ReactX funcionais e até uma lojinha de aplicativos!

  1. Pingback: DirectX: ReactX já está funcional na versão Trunk Build 44341 do ReactOS

  2. Não é possível habilitar a aceleração 3D no Virtual Box para que o sistema (no caso o reactos) use a placa 3d?

  3. Ricardo, o recurso de aceleração 3D do VirtualBox estava habilitado sim, mas o motivo pode ter sido também a placa de vídeo do notebook que era muito fraca, uma Intel on-board.

  4. olá, boa noite…. sou usuário do ubuntu (9,10) e estou sempre testando novas distribuiçoes. sempre tive interesse em jogos, principalmente futebol, e o maior motivo de nao ter mudado de vez para o pinguim é o fato de nao conseguir roda-los. esse final de semana vou testar a aceleracao 3d do reactos, vou baixar e ver como se comporta no pc de casa, nele tem uma ati hd3200 on-board. assim que conseguir testar posto o resultado aqui.

  5. Parabéns a toda equipe do ReactOS.
    tá ficando cada vez melhor!!

  6. Teste:
    Trunk 44596 dentro de QEMU.

    Placa 3D: Mobile Intel(R) 945 Express Chipset Family
    DirectDraw <- todos os testes funcionaram, menos o último em tela cheia.
    Direct3D <- não rodou nenhum teste.

    Placa 3D: NVIDIA GeForce 9500 GT
    DirectDraw <- todos os testes funcionaram, menos o último em tela cheia.
    Direct3D <- não rodou nenhum teste.

    Abraços,
    Bruno Pio

Os comentários estão desativados.