Executando programas portáteis (portable) no ReactOS


Com o aumento da capacidade de armazenamento de dados nos pen-drives e cartões de memoria flash, muitos usuários passaram a utilizar estes dispositivos para poder levar seus arquivos para qualquer lugar, seja para utiliza-los no trabalho ou na faculdade, por exemplo. Sendo os pen-drives mais leves e baratos que um notebook, muito usuários passaram a instalar programas em seus dispositivos de armazenamento. De inicio nem todos os programas funcionavam se fossem instalados diretamente nos pen-drives e a razão para isso era porque muitos programas para Windows gravavam dados no registro do sistema e quando instalados nestes dispositivos só funcionavam no computador que havia sido usado para fazer a instalação. Estas limitações iniciais foram a origem para a criação ou adaptação de diversos programas para Windows chamados de portable (portáteis), que não precisam ser instalados e por conseqüência não gravam dados ou chaves no registro do sistema operacional.

Recentemente recebi da empresa onde trabalho um notebook novo, modelo Lenovo ThinkPad T61 para uso em minhas atividades profissionais. Como não é permitido instalar outros programas que não os disponibilizados para o trabalho que executo, a alternativa para utiliza-lo para minhas tarefas pessoais (já que carrego o mesmo o dia todo comigo) foi adquirir um pen-drive e sair em busca na Internet por versões portable dos aplicativos que mais uso.

A dois meses estou utilizando o 7Zip, Firefox, Filezilla, Pidgin e VLC em suas versões portable desenvolvidas pelo projeto PortableApps, em um pen-drive de 4GB da Kingstone, todos programas já testados por mim em alguma versão do ReactOS e que apresentaram graus diferentes de compatibilidade com o sistema. Como para rodar tais programas não é necessário a instalação no sistema operacional, veio a questão: funcionariam sem problemas no ReactOS?

Observação: Para a realização deste teste e devido ao ReactOS ainda não reconhecer portas USB, gravei os arquivos de meu pen-drive em um CD e do CD copiei para a pasta raiz do sistema de arquivos, não havendo nenhum processo de instalação envolvido.

7-Zip

No teste que realizei com o 7-Zip na versão 0.3.3 do ReactOS (leia mais aqui) o programa instalou corretamente no sistema, mas na época não consegui compactar nem descompactar arquivos com o programa. Em meu ultimo artigo a poucos dias sobre a instalação do 7-Zip no ReactOS 0.3.5 (leia sobre o artigo aqui), a instalação e o uso do programa foram bem sucedidos, mas e quanto a versão portable?

Seria muito estranho que depois da total compatibilidade do 7-Zip com o ReactOS 0.3.5 o mesmo não funcionasse a contento em sua versão portable, mas para minha felicidade, foi possível executar o programa em sua versão 4.57 portable adaptada pelo projeto PortableApps sem problemas.

Teste de programas tipo portable no ReactOS.Teste de programas tipo portable no ReactOS.

7-Zip portable rodando no ReactOS.

Firefox

Ja testei duas versões do Firefox, a 2.0 no ReactOS 0.3.3 e a 3.0 no ReactOS 0.3.5. Ambas instalaram normalmente, porém a versão 3 no ReactOS 0.3.5 apresentou problemas de usabilidade. Para este teste usei a versão 2.0 (2.0.0.14) que é a que esta em meu Pen-Drive. O Firefox abriu normalmente, só não foi possível navegar na Internet porque o nosso computador de testes ainda não esta plugado na rede 😉 – para isso teria que usar a versão do sistema emulado na maquina virtual VMWare que uso em meu notebook (saiba mais).

Teste de programas tipo portable no ReactOS.Teste de programas tipo portable no ReactOS.

Firefox portable funcionando corretamente no ReactOS.

Filezilla

Testei o Filezilla no ReactOS 0.3.4 (veja o teste aqui) e na ocasião apesar do programa ter instalado corretamente, não foi possível executar o mesmo. Com a versão portable não foi diferente, apos clicar no executável do programa uma mensagem de erro é exibida.

Teste de programas tipo portable no ReactOS.Teste de programas tipo portable no ReactOS.

Assim como sua versão instalável, a versão portable do Filezilla também não funcionou no ReactOS.

Pidgin

Uso o Pidgin porque além de ser um mensageiro instantâneo multiplataforma (conecta nas redes MSN e ICQ – as que mais uso) é leve e sem firulas. No teste que realizei com o mesmo na versão 0.3.4 do ReactOS (leia aqui) sequer foi possível instalar o mesmo, porque o instalador do programa travou durante o processo. Com sua versão portable também não tive sucesso, ao tentar iniciar o programa é exibido mensagem de erro.

Teste de programas tipo portable no ReactOS.Teste de programas tipo portable no ReactOS.

O Pidgin portable também repetiu o insucesso de sua versão instalável.

VLC

Parece que não será dessa vez que iremos assistir a vídeos no ReactOS. Assim como o teste que fizemos com diversos players de vídeo (leia aqui), e na ocasião o VLC não inicializou, sua versão portable também não conseguiu rodar no ReactOS, sendo responsável ainda pela primeira exibição de tela azul no ReactOS desde que comecei a testar o sistema a quase 2 semanas.

Teste de programas tipo portable no ReactOS.Teste de programas tipo portable no ReactOS.

O VLC portable foi o responsável pela primeira ‘tela azul da morte’ no ReactOS 0.3.5 em quase duas semanas de uso sem travamentos!

Conclusão

Se a idéia deste teste era provar que programas portable rodariam sem problemas no ReactOS, o mesmo não é conclusivo porque os programas que rodaram foram aqueles que já apresentavam compatibilidade com o sistema. Em breve realizarei mais testes com programas do tipo portable para termos um quadro melhor da situação. Você leitor gostaria de sugerir algum programa portable para o próximo teste? Deixe sua sugestão nos comentários.

Anúncios